Orientadores

Os orientadores do Programa de Pós-Graduação em Saúde Mental são credenciados por meio de um processo rigoroso, que tem por base a produção intelectual dos mesmos. Atualmente é composto por um corpo de doze docentes/ orientadores permanentes, e dois orientadores-colaboradores, tendo a maioria deles, concluído estágio de pós-doutorado no exterior.

Os orientadores do programa têm estabelecidas parcerias de trabalho com outras disciplinas da área médica, o que favorece a efetiva integração entre a pesquisa básica e aplicada dentro de uma abordagem global e articulada, envolvendo a neurobiologia dos transtornos mentais. Também trabalham em parceria com pesquisadores nacionais e internacionais de diversas áreas, estando inseridos em projetos do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Translacional em Medicina, da Organização Mundial da Saúde e de diversas universidades norte-americanas e europeias, recebendo recursos individuais de várias agências de fomento de pesquisa (FAPESP, CNPq, CAPES, FINEP).

Orientadores credenciados
Ex-Orientadores